segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Projeto Bullying: a conscientização é o melhor remédio (2013)


Etapas do projeto:

Caros alunos dos sétimos (B e C) e dos oitavos (A e B), estamos iniciando o desenvolvimento de mais um projeto, dessa vez sobre Bullying. Trabalharemos o projeto “Bullying: a conscientização é o melhor remédio", através do qual passaremos a tomar uma consciência mais ampla sobre esse problema tão sério que atinge nossas escolas e acabam com autoestima de muitos jovens.

Na primeira etapa vocês deverão pesquisar sobre este tema. Para guiar a pesquisa, elaborei um questionário com 12 questões.

Na segunda etapa, assistiremos ao filme Bullying: provocações sem limites, através do qual pretendo que vocês vejam o pode acontecer com a vítima de Bullying.

Na terceira etapa, faremos um debate, através do qual discutiremos sobre o tema e aprofundaremos as discussões passando para o contexto da nossa sala de aula.

Na quarta etapa, vocês deverão produzir um texto de opinião sobre o tema e postar esse texto aqui no Blog A Leitura Liberta.


Desejo um ótimo trabalho a todos e que cada um possa tornar-se um disseminador desse trabalho de prevenção, denunciando, ajudando as vítimas, e aconselhando aos colegas para que esse problema possa aos poucos ser extinto da nossa escola.

 Sugestões de sites para pesquisa:




Conceito, características, causas,  consequências, casos reais:

(conceito)
http://www.brasilescola.com/sociologia/bullying.htm

(causas e conseqüências)
http://www.coisasdesocorro.net/2011/04/bullying-causas-consequencias-e.html

(características)

http://bullynobullying.blogspot.com.br/2010/05/10-caracteristicas-do-bullying.html

(Bullying é brincadeira?)
http://elo.com.br/portal/colunistas/ver/217941/bullying--violencia-disfarcada-de-brincadeira.html

(caso real)
http://g1.globo.com/mato-grosso-do-sul/noticia/2011/05/vitima-de-bullying-teria-pago-mais-de-mil-reais-para-nao-apanhar-diz-policia.html

(como evitar?)
http://diganaoaobullyingcena.webnode.com.br/bullying/como-evitar-/

(como ajudar?)
http://www.einstein.br/einstein-saude/em-dia-com-a-saude/Paginas/como-identificar-e-ajudar-criancas-e-adolescentes-vitimas-de-bullying.aspx

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

III Mostra de Prevenção às Drogas e a Violência da Rede Municipal de Ensino

 Ontem, dia 17 de outubro, alguns alunos da E.M.E.F. Leônidas Santiago que participaram do desenvolvimento do Projeto "Não às drogas, sim à vida!" , realizado na sala de aula e através desse Blog, fizeram uma apresentação na Estação Cabo Branco –Ciência, Cultura e Artes.
Os alunos fizeram uma belíssima apresentação declamando um poema e cantando, em seguida, uma paródia. Ambos, poema e paródia, foram criações dos próprios alunos, como trabalho final de seus grupos nos seminários sobre drogas, apresentados na sala de aula. 
O poema foi feito, ano passado, pelo aluno Cristian Kellyson, hoje do 9º ano e a paródia foi feita, esse ano, pelas alunas Gicely Herculano, Lays Kelly e Thaysa Lima, do 8º ano A.




Poema: Tempos de Dor  

Autor: Cristian Kellyson / Voz: Emmylly Reitzel / Violão: Luan Diniz

O berro da bala ecoa 

 Na calçada há tristeza 
Mais um rosto se desfaz 
Tempos de Dor 
Ausência de paz 
videoVejo em seu olhar 
A tristeza e a razão 

Ouço o choro 

Do seu coração 

A bala passou 
No peito parou 
Com esperança 
Ainda pulsou 
A mão que engatilhou 

Não viu a dor que causou 

Não viu quando a luz apagou 
No instante em que a bala ecoou 
Uma história de dor 
A procura de paz 
E da esperança 
Que nos tempos de hoje
Já não se encontra mais!
Mesmo que você
Esteja cansado
Mesmo que você
Se sinta um derrotado
Esteja fraquejando
Tendo outros planos
Desorientado
Saiba que o crack
Não te leva a nada
Você está seguindo
Pela estrada errada
E os seus amigos
Onde vão estar
Quando você os procurar
Só quem vai estar
Te esperando 
De braços abertos
Pra te acompanhar
É Jesus, ele nunca desiste
Ele quer te salvar
Mas você quem decide
Se quer o acompanhar
Pois Ele sempre estará
Te esperando.





sexta-feira, 23 de agosto de 2013

RELATOS DE EXPERIÊNCIA VIVIDA - PROJETO DE PREVENÇÃO DAS DST'S




Caro aluno do 8º B, poste aqui o seu Relato de Experiência referente ao desenvolvimento do projeto "Viver bem é viver com saúde", de prevenção das DST's. Não esqueça de postar os links dos vídeos, dos sites, músicas e fotos que você pesquisou e usou para fazer o trabalho.

RELATOS DE EXPERIÊNCIA VIVIDA - PROJETO DE PREVENÇÃO DO USO DE DROGAS



Caro aluno, poste aqui seu Relato de Experiência Vivida, referente ao desenvolvimento do projeto de prevenção do uso de drogas "Não às drogas, Sim à vida!", desenvolvido entre os meses de maio e agosto deste ano (2013). 
Fique à vontade para postar os links dos vídeos, dos sites, músicas e fotos que você pesquisou e usou para fazer o trabalho. Os links ficarão inativos, pois a caixa de comentários do blog não disponibiliza esse tipo de recurso. Boa Sorte!!!

quarta-feira, 24 de julho de 2013

ANO CULTURAL ELBA RAMALHO E CÁTIA DE FRANÇA - 2013


Olá queridos alunos, estamos começando nossos trabalhos para o concurso do Ano Cultural 2013 que homenageia as cantoras Cátia de França e Elba Ramalho. As duas artistas paraibanas são reconhecidas dentro e fora do Brasil, pelos seus trabalhos fortes, pulsantes dinâmicos e alegres com a marca da mulher nordestina. Essa é a sétima edição o projeto que foi criado no ano de 2007 com o objetivo de homenagear personalidades paraibanas que se destacam no cenário cultural brasileiro. O projeto já homenageou Ariano Suassuna (2007), José Lins do Rego (2008), Sérgio de Castro Pinto (2009), Zé Ramalho (2010), Políbio Alves (2011) e Herbert Vianna (2012).
Como orientadora do projeto, trabalharei com as turmas do 8º ano A e B. Conheceremos a vida e a obra das duas homenageadas na sala de aula e produziremos cartas pessoais que deverão passar por um detalhado processo de escrita e reescrita até que fiquem adequadas aos objetivos do concurso “Ano Cultural 2013”.

As cartas passarão por um processo de seleção feito ainda na sala de aula e as escolhidas serão encaminhadas para a comissão julgadora, formada na escola. A comissão julgadora escolherá apenas uma carta. No turno da manhã estão participando os três oitavos: A, B e C.

O aluno que tiver sua carta escolhida ganhará, ao final do concurso, um Tablet. Portanto, além do enriquecimento cultural poderão ficar mais conectados. Vamos às etapas?
Nosso trabalho terá as seguintes etapas:

1º pesquisa na internet e/ou em livros sobre a biografia das homenageadas: Cátia de França e Elba Ramalho;

2º Audição e análise interpretativa das músicas, na sala de aula;

3º pesquisa na internet do gênero textual Carta Pessoal;

4º detalhamento do gênero textual “Carta Pessoal”, na sala de aula;

5º produção escrita de uma carta pessoal para uma das homenageadas. Caso você queira, poderá escrever uma carta para cada uma das homenageadas, sabendo que apenas uma das cartas será escolhida para ser encaminhada à comissão julgadora escolar.

Abaixo, disponibilizei alguns links para ajudar na pesquisa de vocês:

Biografia de Cátia de França:

Músicas de Cátia de França:

Biografia de Elba Ramalho:

 Músicas de Elba Ramalho:


Gênero textual: Carta Pessoal





quinta-feira, 11 de julho de 2013

Definição da segunda etapa do Projeto Viver Bem é Viver com Saúde

Definição da segunda etapa do Projeto Viver Bem é Viver com Saúde de Prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis -2013.


Caros alunos, esse post está direcionado especificamente para os alunos do 8º Ano B-2013 que é a única turma deste ano que está desenvolvendo este projeto de prevenção das DSTs, visto que já desenvolveram o projeto de prevenção do uso de drogas no ano passado. 
Como já debatemos na sala de aula, a primeira etapa do projeto foi teórica e realizadas durante mais ou menos oito aulas no laboratório de informática da escola. Durante a pesquisa vocês puderam se aprofundar mais o tema DSTs e tudo que envolve esse problema. Conhecemos os principais tipos de DSTs, suas causas, modos de contágios e prevenção. Também nos informamos sobre puberdade e  gravidez na adolescência, descobrindo suas causas e consequências.

Essa parte teórica já foi avaliada e agora, nesse segundo semestre, iremos para a parte prática, na qual vocês se dedicarão a um único subtema e apresentarão seminários para a turma. Os seminários serão compostos por, no máximo, seis alunos e deverão  ser organizados da seguinte forma:


Grupo A: João, Pedro, Ana, etc...(até 6 pessoas)
Tema do Projeto: DST
Subtema:Principais DST
Recursos midiáticos: Computador, data show, vídeos, slides, músicas, etc
Gênero textual do trabalho final: peça teatral
Data: 15/07/13 (2 aulas)

Os trabalhos finais, ou seja, aquela apresentação que será feita no final do seminário, ficarão a critério de cada grupo que poderá escolher uma dentre as seguintes opções: 

1- Entrevista: entrevistar um profissional de saúde: médico (a) ou enfermeiro (a).

2- Peça Teatral

3- Paródia

4- Poema declamado (voz e violão)

5- Trazer um álbum seriado com as principais DSTs

6- Paletra: trazer um profissional  de saúde para dar uma palestra para a turma sobre o tema Prevenção das DSTs.

7- Dinâmica de grupo



Os grupos já foram todos divididos e nossas apresentações começarão a partir do dia 15 de julho. A terceira etapa será a publicação, neste Blog, de um relato de experiência individual. O gênero "relato de experiência" será antes trabalhado com vocês para que saibam o que é e como fazer. 


Desejo boa sorte para os grupos e qualquer dúvida que surgir fora da sala de aula é só deixar aqui no Blog que responderei prontamente.


Abraços,
Flávia Sirino










segunda-feira, 8 de julho de 2013

Definição das etapas do projeto de prevenção do uso de drogas - 2013

Definição das etapas do projeto de prevenção do uso de drogas - 2013

Caros alunos, começamos hoje a definir as duas últimas etapas dos trabalhos com o projeto Não às drogas, sim à vida. Na primeira etapa que se iniciou no mês de maio/2013, fizemos pesquisas no laboratório de informática. As pesquisas, de cunho teórico, visaram ambientá-los com o tema do projeto. Nessa etapa vocês já foram avaliados e agora, nesse segundo semestre, daremos início à parte prática. As turmas serão divididas em grupos de no máximo seis pessoas e a cada grupo será dado um subtema dentro do tema do projeto. Por exemplo: o grupo A ficará com o subtema “Crack”. Esse subtema será apresentado na forma de seminário e o grupo deverá apresentar um vídeo sobre o assunto. Após o vídeo deverá produzir e apresentar um dos seguintes gêneros: paródia, poema (declamar com voz e violão), música (criar uma música original), dinâmica de grupo, peça teatral, teatro de fantoches, dança (com música sobre o tema). Cada grupo tem o direito de escolher o gênero que quer apresentar no final do seminário. Veja o exemplo:

Grupo A: João, Maria...(até 6 pessoas)
Tema: Crack
Recursos: Vídeos, cartazes, computador, slides...
Trabalho final: paródia
Data: 15/07/13 (2 aulas)

Após o seminário, no laboratório de informática, iniciaremos a última etapa que é a publicação individual do Relato de Experiência. Cada um de vocês deverá publicar aqui no Blog tudo que vivenciaram na construção das etapas desse projeto. Fale das suas impressões: o que gostou, o que aprendeu, o que faltou fazer, qual a lição que teve de todo o trabalho construído? É importante disponibilizar os links dos sites que pesquisou, postar o vídeo que usou no seminário, e os gêneros textuais produzidos (paródias, poemas, peças teatrais etc.). Essa etapa será avaliada e somada com o seminário. Desejo um excelente trabalho a todos e aguardo as produções de vocês. 

VIVENCIANDO A POESIA


Cecília Meireles é uma das grandes escritoras da literatura brasileira. Seus poemas encantam os leitores de todas as idades. Entre suas obras temos “Ou Isto ou Aquilo” que foi publicado em 1964. 
  é um clássico da literatura infantil que reúne poesias e musicais sobre os sonhos e as fantasias que povoam o imaginário da criança: jogos, animais, flores, chuva, brinquedos. 



Minha filha Sofia se apaixonou por Cecília Meireles no exato momento que conheceu o livro e em apenas dois dias leu os 63 poemas desta obra.
Fiz dois vídeos com ela lendo O Colar de Carolina e O Vestido de Laura



Adicionar legenda


Através destes vídeos, podemos perceber como é simples transformar uma tecnologia digital em uma tecnologia educacional. Vídeos como estes podem ser produzidos na sala de aula e divulgados através da internet. Também podemos utilizá-los para incentivar a leitura e divulgar o trabalho dos escritores que gostamos. Usar a tecnologia a favor da educação pode ser bem prazeroso, divertido e instrutivo, basta querer!

domingo, 12 de maio de 2013




Unidade escolar: E.M.E.F. Leônidas Santiago, localizada no bairro do Rangel em João Pessoa.
Nível de ensino: Ensino Fundamental II
Ano escolar: 9º ano
Conteúdo curricular para a realização da atividade:
Meio ambiente: revitalização do Rio Jaguaribe
Objetivo: proporcionar uma oportunidade para que o aluno, após aprender os conhecimentos básicos para a produção de um relato, produza seu próprio relato baseado na experiência vivenciada na execução do jogo proposto.

Relato de experiência


Este jogo foi proposto e executado em 2008 na escola Leônidas Santiago com turmas do 9º ano a propósito da III Conferência Infanto-Juvenil do Meio Ambiente, cujo tema estudado foi Mudanças Ambientais Globais e Subtemas: Água, Ar, Terra e Fogo. Os professores escolheram qual subtema queriam trabalhar e o meu foi “Água”.
Antes de propor o jogo, comecei um trabalho de conscientização e sensibilização para que os alunos se sentissem peça-chave para a mudança em busca de um ambiente mais limpo e saudável para se viver. Utilizei-me das novas tecnologias, fiz pesquisas no Google vídeos e levei para a escola diversos vídeos sobre a degradação que o homem está causando ao meio ambiente no que se refere à poluição da água doce (rios), salgada (mar), desmatamentos (queimadas), consumo acelerado e desnecessário, poluição pelas indústrias, etc.
Trabalhei com textos (depoimentos, cordéis, músicas, crônicas, relatos) e pesquisas na internet feitas pelos próprios alunos para a confecção de cartazes para serem apresentados em seminários na própria sala de aula e no dia da conferência.
Em meu trabalho de conscientização tentei abordar de forma geral todos os subtemas da conferência para que o aluno tivesse uma visão mais ampla sobre os malefícios causados pelo homem ao meio ambiente. Após esse momento foquei no subtema água.

Depois desse trabalho inicial propus o jogo que foi muito bem aceito pela turma. Veja as fotos de uma das equipes que executaram o jogo, abaixo:

A execução do jogo foi algo bem estimulante e interessante para os alunos. O horário para a execução das etapas foi o oposto ao de aula: à tarde. As equipes visitaram a população ribeirinha no bairro do Rangel, bairro onde vivem e distribuíram panfletos sobre como ajudar a despoluir o rio, fizeram entrevistas, tiraram fotos do rio poluído e até coletaram uma amostra da água do rio para comparar com uma amostra de água limpa. As tecnologias utilizadas por eles foram: celulares, câmera digital, computador, internet e cd-rw.
A execução do jogo levou uma semana (seis aulas) e a todo instante eu me comunicava com os alunos para tirar suas dúvidas. A comunicação era feita tanto presencialmente, quando estávamos na escola, como à distância através do Orkut e celular.
Foi um trabalho muito gratificante e que fez com que os alunos pusessem em prática tudo que aprenderam nas aulas sobre meio ambiente.
A ideia da visita ao rio poluído os chocou e despertou neles o espírito de protetores do meio ambiente, assim como previa o projeto do jogo.




quarta-feira, 8 de maio de 2013

TEMA: Doenças Sexualmente Transmissíveis

TÍTULO: Viver bem é viver com saúde

                                                 
                                                AUTORA: Profª Flávia Sirino de Oliveira


DISCIPLINA: Língua Portuguesa
ESCOLA: E.M.E.F. Leônidas Santiago 


PÚBLICO ALVO: Ensino Fundamental II

1-    DEFINIÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DO PROBLEMA (TEÓRICO E/OU PRÁTICO):

A escola é de convivência e interação de diversos mundos diferentes. Dessa forma deve estar sempre atenta aos aspectos particulares da vida de seu alunado. Atualmente, o número de jovens que entram na vida sexual antes do momento adequado, está cada vez maior. É por essa razão que a escola deve se organizar para orientar esses adolescentes sobre os riscos que estão expostos numa relação sexual precoce: gravidez indesejada, doenças sexualmente transmissíveis, traumas sexuais devido à falta de experiência para escolher um parceiro etc.
Sendo assim, cumprindo a função social da escola que é formar cidadãos conscientes, críticos e atuantes em prol do desenvolvimento social, projetos como este, devem ser desenvolvidos e colocados em prática nas escolas de todo o país.


2-    OBJETIVO PRINCIPAL:

O presente projeto visa informar e conscientizar os adolescentes da existência das doenças sexualmente transmissíveis e dos perigos oriundos de uma relação sexual sem prevenção.


3-    OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

·        Conhecer os diversos tipos de DSTs existentes;
·        Conscientização sobre os métodos contraceptivos;
·        Transformar o aluno num ser consciente dos perigos de uma relação sexual precoce e/ou sem prevenção


4-    CONTEÚDOS CURRICULARES E DISCIPLINARES ENVOLVIDAS

  • Saúde (tema transversal) – Disciplinas: Ciências e Português
  • Gêneros textuais (notícia, depoimentos, música, poemas, peças teatrais etc), abordando o tema DST. Disciplina: Português


5-    PLANO DE AÇÕES

Ação 1

Descrição: pesquisa em grupo, no laboratório de informática,  para conhecer os diversos tipos de DSTs existentes.

Tempo previsto: 90 min. (2 aulas)

Atores envolvidos: Alunos, professores e monitor de informática.

Subproduto: Seminários em grupo, onde os alunos deverão apresentar os resultados de suas pesquisas na internet.

Ação 2

Descrição: Apresentação dos métodos contraceptivos existentes, suas características e adequação à prática sexual; demonstração do modo de uso.

Tempo previsto: 180 min (4 aulas)

Atores envolvidos: Professores de Ciências e Português; alunos; monitor de informática.

Subproduto: Palestra e debate. As mídias utilizadas poderão ser o data show, cd-rw, microfone e internet.

Ação 3

Descrição: Focalizar dois grandes problemas relacionados à sexualidade: Gravidez na adolescência e Aids.

Tempo previsto: 180 min (4 aulas)

Atores envolvidos: professores de Ciências e de Português; alunos.


Ação 4

Descrição: O presente projeto poderá ser desenvolvido no início do ano letivo e ao longo do ano deverá ser enriquecido sempre com visitas periódicas palestrantes como: conselheiros tutelares, profissionais da área da saúde, entidades religiosas, psicólogos, assistentes sociais etc.

Tempo previsto: todo o ano letivo

Atores envolvidos: todos que fazem parte da escola: professores, alunos, equipe técnica e principalmente a família.




6-    TEMPO TOTAL DE REALIZAÇÃO DO PROJETO:
O projeto será realizado no início do primeiro semestre e reforçado até o final do ano letivo.

7-    MATERIAL E SUPORTE NECESSÁRIO

Serão utilizados na realização do projeto: TV, Data-show, microfone, cartazes, vídeos, músicas, poemas, fotos, depoimentos escritos e/ou narrados, cd-rw etc.

8-    FONTES DE PESQUISA

Internet, livros, revistas, jornais, entrevistas, documentários que abordem o tema do projeto.


9-FORMA(S) DE AVALIAÇÃO:

A-   AO LONGO DO PROJETO:

O aluno será avaliado continuamente verificando-se sua participação nas atividades previstas como apresentação de seminário e participação nos debates.

B-   AO FINAL DO PROJETO:

Ao final do projeto o aluno deverá demonstrar os conhecimentos necessários sobre os tipos de DSTs mais comuns e suas formas de contágio e também prevenção. Terá que ter consciência de como e porque se prevenir nas relações sexuais. Saber da importância de se escolher o momento certo e selecionar parceiro para a primeira relação sexual. Ter consciência de que uma relação sexual é algo bastante íntimo e que deve ser feita com amor e prevenção.
Esses conhecimentos poderão ser apresentados através de peças teatrais que deverão ser exibidas para toda a comunidade escolar.



REFERÊNCIAS:

AMARAL, A; RECUERO, R; PORTELLA, S. Blogs: Mapeando um objeto. VI Congresso Nacional de História da Mídia - GT História da Mídia Digital. UFF.2008. Disponível em: http://pontomidia.com.br/raquel/AmaralMontardoRecuero.pdf. Acesso em: 10 jun 2012.

COSCARELLI, Carla Viana. Novas tecnologias, novos textos, novas formas de pensar. 3ª ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.

GALDINO, D. R. B. & MACIEL, J. W. G. Blog: uma ferramenta de interação no processo de ensino-aprendizagem. In: IV Semana de Humanidades. Guarabira-PB: UEPB, 2007. CD-ROM.
GASPERETTI, M.. Computador na Educação: Guia para o ensino com as novas tecnologias. São Paulo: Editora Esfera, 2001.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo, Atlas, 2002.

HERNÁNDEZ, Fernando. Transgressão e mudança na educação: os projetos de trabalho. tradução Jussara Haubert Rodrigues. Porto Alegre: Artmed, 1998. 152p.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 2005.
LIRA, Thiago Espíndola. ; MACIEL, João Wandemberg Gonçalves. O letramento digital e a reciprocidade discente/docente. In: Encontro Nacional de Letramento, 2008, João Pessoa. Anais do Encontro Nacional de Letramento. João Pessoa: Idéia, 2008. p. 1172-1175.

MANTOVANI, Ana Margô. Weblogs na Educação: Construindo Novos Espaços de Autoria na Prática Pedagógica. Disponível em http://www.tise.cl/archivos/tise2005/02.pdf. Acesso em: 12 de jun de 2012

NÓBREGA, M. O. MACIEL, J. W. G.. Letramento digital: um terreno fértil para o multiculturalismo. In: ENCONTRO NACIONAL DE LETRAMENTO. Disponível em: http://gehaete.uepb.edu.br/trabalhos/2008/mai/7.pdf. Acesso em: 10 jun 2012.
PERRENOUD, Philippe. Dez novas competências para ensinar. Trad. Patrícia Chittoni Ramos. Porto Alegre: Artimed, 2000.129p.

TORRES, Sueli. Uma função social da Escola. http://www.fundacaoromi.org.br /homesite/news.asp?news=775. Capturado em 06/07/2010.